Bancos aumentam tarifas o dobro da inflação

Solere Consumidor Online - Bancos aumentam tarifas o dobro da inflação

Bancos aumentam tarifas o dobro da inflação.

As tarifas bancarias tem um reajusto maior que a inflação. Pacotes avançaram 5,5% contra taxa de 2,7% em 12 meses. Em serviços avulsos, há alta acima de 30%.

Ao mesmo tempo que o Banco Central (BC) conduz uma estratégia com a intenção de conter os juros bancários para os clientes, as companhias financeiras reajustam suas tarifas afim de obter lucros.

Em um ano, os preços dos pacotes de serviços dos cinco maiores bancos do país sofreram ajustes de 5,5%, conforme os dados do Banco Central. Ainda que no mesmo período a inflação sofreu oficialmente um aumento de 2,7%. Algumas das tarifas bancárias que são avulsas dos serviços bastante requisitados pelos correntistas pessoas físicas deram saltos ainda maiores.

Entre os cinco bancos, o que mais modificou suas taxas, foi a Caixa Econômica Federal, chegando a elevar seus pacotes em até 9,7 %. Ainda assim foi o banco que teve suas tarifas mais baixas.

Entro os bancos, o Santander foi o segundo que teve o movimento alto em seus pacotes de serviços prestados aos clientes. Em terceiro ficou o Itaú, logo depois Bradesco e por fim Banco do brasil. Conforme as regras do Banco Central, as instituições bancárias têm o direito de cobrar por quatro pacotes de serviços oferecidos, equivalentes a transações diferenciadas. Os preços dos pacotes foram elevados em todos os 5 bancos. Os aumentos das tarifas são formas de os bancos manterem seus lucros.

Caso você se sinta lesado de alguma forma, acesse a plataforma do advogado online para defesa do consumidor e saiba como defender seus direitos.

Compartilhar este post:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts relacionados

Abrir chat
1
Olá! Como podemos ajuda-lo?
Olá! Você necessita de alguma assistência jurídica? Nossos advogados estão prontos para te ajudar em questões envolvendo os seus direitos como consumidor.